• 0800.501.6000 / 44 98813-1364 / 44 3123-6000
  • contato@iefap.com.br
  •  


8 filmes disponíveis na Netflix que trazem valiosos ensinamentos sobre carreira


 

O cinema é muito mais do que entretenimento, valiosas lições sobre carreira podem estar escondidas nos títulos mais inusitados (até naqueles que aparentemente parecem não ter nada a ver com o mundo do trabalho), podendo servir como alavanca para você questionar suas crenças, conhecer novos pontos de vista e ganhar clareza sobre diversos temas da vida.

Conheça uma seleção de 8 filmes disponíveis na Netflix que trazem valiosos ensinamentos sobre carreira, do clássico drama "Forrest Gump" ao surpreendente documentário "O sushi dos sonhos de Jiro". 

 

"Gênio indomável"

Com diversas passagens pela polícia, o rebelde Will (Matt Damon) trabalha como zelador numa universidade em Boston. Tudo muda quando, por acaso, ele é descoberto como um gênio da matemática por um professor do renomado MIT (Massachusetts Institute of Technology).

O que acrescenta à carreira? A discussão gira em torno do papel da inteligência emocional para o sucesso. “O filme mostra que essa competência é mais aprendida do que inata, isto é, pessoas nascidas e criadas em famílias problemáticas têm mais probabilidade de apresentar baixa inteligência emocional”, explica Oliveira. “Também se explora a dificuldade de lidar com um gênio ou indivíduo superdotado, cujo modo de pensar e interagir pode fugir completamente do convencional”.

“Good Will Hunting”
Diretor: 
Gus Van Sant
Ano de lançamento: 1997

 

 

"Forrest Gump"

 

Forrest Gump (Tom Hanks) é um rapaz com coração puro - e um QI muito abaixo da média. Sonhando com seu amor de infância, Jenny, ele acaba se envolvendo por acaso em momentos essenciais da história dos Estados Unidos, como a Guerra do Vietnã e o escândalo de Watergate.

O que acrescenta à carreira? De acordo com o consultor Pedro Grawunder, o filme é interessante por mostrar uma história de sucesso que não tem nada a ver com inteligência ou ambição. Forrest consegue se tornar uma estrela milionária graças à sua lealdade aos amigos, à perseverança em situações duras e sua capacidade de ser grato pelo que tem. Não que isso signifique que você deva abandonar as suas ambições profissionais: o que Forrest ensina é o valor de conhecer as emoções das pessoas ao seu redor, e atender às necessidades mais humanas de chefes, clientes e colegas. “Ser humilde e se sacrificar pelos outros pode tornar você muito mais influente do que o uso da inteligência pura”, diz Pedro.

“Forrest Gump”
Diretor:
 Robert Zemeckis
Ano de lançamento: 1994

 

 

“O sushi dos sonhos de Jiro”

 

O documentário retrata a vida de Jiro Ono, proprietário de um renomado restaurante em Tóquio, no Japão. Ele nunca tirou férias, detesta folgas e não tem qualquer distração. Aos 85 anos, ele conserva a obsessão que o levou à fama: a busca pelo sushi perfeito.

O que acrescenta à carreira? Além de ser um banquete para os olhos dos amantes da culinária japonesa, o filme aborda temas como vocação e envolvimento emocional com o trabalho. “Embora não seja o único ingrediente para o sucesso, a paixão é algo muito positivo, porque impulsiona, renova os limites”, diz Ana Cristina Limongi-França, professora da FEA-USP. No entanto, é importante cuidar para que ela não se transforme em obsessão: se for assim, você pode perder o senso de realidade e comprometer seriamente as suas relações com colegas, chefes e familiares.

“Jiro dreams of sushi”
Diretor:
 David Gelb
Ano de lançamento: 2011

 

 

"Sociedade dos poetas mortos"

 

Na década de 1950, a rotina do tradicional colégio Welton Academy é afetada pela chegada de um novo - e pouco ortodoxo - professor de literatura, John Keating (Robin Williams). O principal objetivo de John é ensinar seus alunos a pensar por si próprios e usufruir ao máximo da vida.

O que acrescenta à carreira? Se você quer mudar algo na sua empresa, prepare-se: a tarefa não será fácil. “É tão difícil confrontar o establishment e a cultura reinante, que o mais provável é que as coisas permaneçam como estão”, diz o consultor Marco Oliveira. De acordo com ele, além dessa dura dose de realismo, o filme também traz uma defesa do aprendizado ativo e participativo. A melhor forma de adquirir uma nova competência é por meio da discussão e da reflexão - e não decorando ou repetindo teses e teorias, por melhores que elas sejam.

“Dead Poets Society”
Diretor: 
Peter Weir
Ano de lançamento: 1989

 

"Wall Street: Poder e cobiça"

De olho na possibilidade de ascensão profissional, Bud (Charlie Sheen) desenvolve uma relação cada vez mais próxima com seu inescrupuloso chefe Gekko (Michael Douglas). 

O que acrescenta à carreira? O filme mostra sem rodeios a falta de escrúpulos de muitos agentes do mercado financeiro, interessados exclusivamente em seus próprios bolsos. “É o tratamento do dinheiro como riqueza a ser acumulada, e não como capital a ser posto a serviço do bem da sociedade”, explica Oliveira. O retrato dos efeitos da ganância desenfreada merece a atenção não apenas de quem trabalha no mercado financeiro, mas também de qualquer profissional disposto a pensar sobre a relação entre dinheiro e felicidade.

"Wall Street"
Diretor: Oliver Stone
Ano de lançamento: 1987

 

 

"Sem limites"

Eddie (Bradley Cooper) é um escritor frustrado com sérias dificuldades financeiras. Tudo muda quando ele descobre uma pílula misteriosa que lhe permite usar 100% das suas capacidades mentais.

O que acrescenta à carreira? Se você se sente seduzido pela ideia de tomar um remédio que fará o seu cérebro milhares de vezes mais poderoso, cuidado: a inteligência superior pode ser extremamente perigosa se não vier acompanhada de valores e princípios positivos. Segundo Oliveira, o filme também ensina que um indivíduo muito inteligente e bem intencionado que fracasse nos seus objetivos pode causar um mal muito maior do que uma pessoa estúpida e mal intencionada que consiga fazer exatamente o que pretendia.

“Limitless”
Diretor: 
Neil Burger
Ano de lançamento: 2011

 

 

 

"À procura da felicidade"

Nos anos 1980, o vendedor Chris Gardner (Will Smith) enfrenta terríveis dificuldades financeiras. Abandonado por sua mulher, luta diariamente para proporcionar uma vida melhor a seu filho de 5 anos.

O que acrescenta à carreira? O filme põe em evidência as pessoas que se esforçam para vencer na vida mesmo quando estão em clara desvantagem na pirâmide social. “Sugere-se que quem não medir esforços para ‘chegar lá’ efetivamente ‘chegará lá’, o que é uma tese muito discutível”, diz Oliveira. Ao assistir o filme, a dica é ter um olhar crítico sobre o típico discurso de autoajuda implícito na história. “Fica a impressão de que o sucesso depende exclusivamente do esforço do indivíduo", afirma o consultor. "Na verdade, para cada Chris Gardner que tem sucesso, vinte outros Chris Gardners irão fracassar rotundamente”.

“The pursuit of happyness”
Diretor: 
Gabriele Muccino
Ano de lançamento: 2006

 

"Amor sem escalas"

 

Ryan (George Clooney) viaja constantemente para executar uma função ingrata: dar a notícia da demissão a funcionários dos seus clientes. Um encontro inesperado, porém, fará com que ele repense seu estilo de vida.

O que acrescenta à carreira? Trabalhar fora do Brasil e construir uma trajetória internacional é o sonho de muita gente. Porém, a vida entre um aeroporto e outro pode trazer angústias inesperadas. Para evitar arrependimentos, diz Fernanda Lemos, pesquisadora da FEA-USP, é importante não negligenciar a busca pelos vínculos afetivos e pela identidade pessoal. "Ao ganhar espaços e expandir as suas fronteiras na carreira, não se pode esquecer o próprio eu", diz a pesquisadora.

"Up in the air"
Diretor: 
Jason Reitman
Ano de lançamento: 2009

 

Agora é só escolher um filme e aprender enquanto descansa.

 

Fonte: Exame.com



Compartilhe!


Leia também