• 44 98813-1364 / 44 3123-6000
  • contato@iefap.com.br
  •  


Como ter um bom relacionamento com seu orientador de TCC


 

\

Conseguir lidar com seu orientador, às vezes, pode ser bem difícil. Por um lado ele só quer ajudar a colocar seu trabalho dentro de um padrão e, com isso, levar seu trabalho a atingir uma nota maior, por outro você acha que isso interfere na sua capacidade criativa e acha que os limites impostos atrapalham sua lógica prévia. Mas essas dicas, da Utilidade do Dia, vão te ajudar a conquistá-lo e podem ser determinantes para uma nota final satisfatória.

1 – Prazos: respeite-os

Programe-se e respeite, como nunca, os prazos que seu orientador estabeleceu. Agradeça por ele se preocupar com seu trabalho e ainda te dar prazos!

2 – Apresentação impecável

Apresente um material decente (no formato, na redação, no uso das normas da ABNT) TODAS as vezes que você precisar enviar qualquer pedacinho do seu trabalho para o orientador. Peça para o próprio professor um manual ou modelo para colocar seu trabalho nas normas. Quanto mais irregular seu trabalho estiver, mais ele irá demorar a te orientar, e você não quer isso.

3 – O Trabalho é seu, não dele

Pesquise, traga ideias, mostre-se interessado. Seu orientador não orienta só você, ele precisa orientar muitos outros alunos. Lembre-se: ele está ali para ORIENTAR, não para fazer o trabalho para você.

4 – Tenha memória de elefante

Lembre seu orientador quando ele pede para ser lembrado de alguma coisa. São tantos trabalhos, turmas e alunos que qualquer pessoa esquece algumas coisas. O trabalho é seu, a preocupação é sua. Ajude seu orientador a ajudar você!

5 – Faça acordos

Tudo o que for combinado com seu orientador deve ser respeitado. Tudo. Se algo mudar, avise com antecedência. Se possível, registre mais formalmente o que foi dito.

6 – Orientador também é gente

Seu orientador também tem uma “vida lá fora” (quem está fazendo o TCC é você). Portanto, não apareça no último minuto com o trabalho e exija correção no dia seguinte. Você, com certeza, não é a única preocupação dele.

7 – Redes sociais NÃO

Jamais fale sobre assuntos acadêmicos nas redes sociais do seu orientador, a menos que ele tenha te autorizado. Outra dica importante é não usar da mesma linguagem que você utiliza em redes sociais, a não ser que lá você também se expresse com linguagem científica.

Fonte: http://www.portaltccendo.com.br/7-dicas-para-ter-uma-relacao-de-amor-com-seu-orientador/

_______________________________________________________

FAÇA SUA PÓS-GRADUAÇÃO NO IEFAP

MAIS INFORMAÇÕES

(44) 3123-6000 ou (44) 98813-1364 (WhatsApp)

contato@iefapcursos.com.br



Compartilhe!


Leia também