• 44 98813-1364 / 44 3123-6000
  • contato@iefap.com.br
  •  


Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional pede lei para inclusão na ESF


 

Entidade pede que profissionais sejam adicionados em programas de saúde básica

\"\"

Profissões irmãs. Apesar de apresentarem atribuições semelhantes, as funções do fisioterapeuta e do terapeuta ocupacional têm, cada uma, sua especificidade. Coordenadas pelo Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Coffito), ambas comemoraram, no mês de Outubro, 45 anos de regulamentação no Brasil, sob o Decreto-Lei 938/69 (Lei 6.316/75). Embora a conquista seja importante, ela não ofusca a necessidade de investimento da qual o setor ainda carece.

“Os municípios não têm obrigação de integrar esses profissionais às equipes de ESF (Estratégia de Saúde da Família), antiga PSF (Programa Saúde da Família), como médico, enfermeiros e agentes comunitários. Alguns até têm, mas porque querem”, evidencia o presidente do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito), Silano Barros, responsável pela circunscrição 1, que envolve Pernambuco, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte. “Há um projeto tramitando no Senado Federal que fala sobre essa obrigatoriedade. Se isso for aprovado, vamos ter uma demanda ainda maior. E não é demanda para apenas quem está se formando, mas para os brasileiros, porque tanto o fisioterapeuta quanto o terapeuta ocupacional têm como função a prevenção da saúde”, acrescenta.

Outro ponto que vai favorecer a categoria é a aprovação da Norma Regulamentadora (NR) 4, da Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Ministério do Trabalho, que tem o objetivo de incluir o fisioterapeuta nos Serviços Especializados de Segurança em Medicina do Trabalho nas empresas públicas e privadas. “Estamos lutando para isso. Já fizemos até uma audiência pública para debater o tema”, afirma o presidente.

Quanto à função de ambos os profissionais, ele resume em “macro e micro”. “Eles atuam em todos os níveis de atenção à saúde, desde o menor até o maior nível de complexidade, e do neonatal ao idoso”, diz Barros. “A fisioterapia está associada à recuperação dos movimentos, da biomecânica das pessoas. Já a terapia ocupacional é o treinamento da atividade da vida diária, que também envolve o movimento e a saúde mental”, explica, exemplificando que, se uma pessoa sofre um AVC (acidente vascular cerebral) e fica com um dos lados do corpo paralisado, é papel do fisioterapeuta recuperar esses movimentos, tanto dos membros superiores quanto dos superiores. “Mas a pessoa vai precisar fazer um movimento mais fino, como pegar objetos, abotoar uma camisa, escovar os dentes, pentear o cabelo ou se vestir. Solucionar esses desafios, que chamamos de AVD (Atividade de Vida Diária), é papel do terapeuta ocupacional”, detalha o presidente.

No Brasil, há cerca de 190 mil  fisioterapeutas e 18 mil terapeutas ocupacionais, segundo o Crefito. “Quanto à demanda, as duas áreas estão bem. Mas precisamos de políticas públicas que reconheçam efetivamente a presença desses profissionais nos serviços de atenção básica da saúde”, reitera Barros.

Fonte: http://jconline.ne10.uol.com.br/canal/economia/concurso-e-emprego/noticia/2014/10/27/conselho-regional-de-fisioterapia-e-terapia-ocupacional-pede-mais-inclusao-no-mercado-152882.php

_______________________________________________________________________________________

PÓS-GRADUAÇÃO PARA FISIOTERAPEUTAS

Clique na imagem do curso de seu interesse e saiba mais sobre ele:
\"\" \"\" \"\" \"\" \"\" \"\"

MAIS INFORMAÇÕES:

GERAL:
www.iefap.com.br
www.facebook.com/pos.iefap
contato@iefap.com.br

BELÉM:
belem.iefap.com.br
(91) 3266-3100 / (91) 8830-6323 (Oi) / (91) 8496-6335 (Claro) / (91) 8369-6260 (Tim) / (91) 9147-3765 (Vivo)
Travessa Mauriti, 1771/A – Pedreira

MARINGÁ:
maringa.iefap.com.br
(44) 4141-2071 / (44) 9975-7199 (Tim)
Av. Advogado Horácio Raccanello, 5415, loja 1 - Zona 7

LONDRINA:
londrina.iefap.com.br
(43) 3024-4071 / (43) 9975-1909
Rua Fortaleza, 91 (Parceria com Colégio Nobel)

CASCAVEL:
cascavel.iefap.com.br
(44) 4141-2071 / (45) 9999-5388

TERESINA:
teresina.iefap.com.br
(86)8817-3446 / (86)8151-9560 / (86)9949-5269

SÃO LUÍS:
saoluis.iefap.com.br
(98) 3232-1265 / (98) 8183-8616 – TIM / (98) 8757-0881 – OI
Av. Getúlio Vargas, 1833 – Bairro Monte Castelo



Compartilhe!


Leia também