• 44 98813-1364 / 44 3123-6000
  • contato@iefap.com.br
  •  


Entidades médicas pedem padronização de termos em diploma de medicina


 

\"\"

O Conselho Federal de Medicina (CFM) e a Associação Brasileira de Educação Médica (Abem) querem que as 242 escolas médicas do país utilizem apenas o termo “diploma de médico” nos documentos que atestam a conclusão da graduação de medicina. Para isso, as entidades formalizarão um pedido junto ao Ministério da Educação, já que atualmente as instituições podem usar, além do referido termo, o título de "bacharel em medicina".

Segundo a assessoria do CFM, muitos profissionais têm relatado dificuldade em obter equivalência de diplomas em outros países, quando tentam frequentar cursos de pós-graduação e programas de intercâmbio. Isso porque as instituições exigem uma tradução juramentada dos certificados e, em muitas nações, não existe o termo “bacharel em medicina”.

Em função disso, algumas instituições chegam a recusar os documentos dos profissionais brasileiros ou fazem com que precisem encarar uma série de burocracias para comprovar a equivalência entre os dois termos.

A solicitação diz respeito ao que o CFM classifica como um impasse gerado pela publicação do parecer 25/2014, do Conselho Nacional de Educação (CNE), no qual expressa o entendimento de que no diploma do egresso deveria constar a nomenclatura “Bacharel em Medicina”, apesar de reconhecer a igualdade da qualificação entre os títulos de médico e de detentor de bacharelado.

Além de pleitear o pedido junto ao MEC, o CFM informou que também já está acionando as universidades para que deixem de adotar o termo "bacharel em medicina".

Por meio de nota publicada no Facebook, o CNE informou ter estabelecido uma equivalência legal entre as duas denominações, "médico" e "bacharel em medicina", embora a denominação "médico" seja a mais usada tradicionalmente. Segundo o órgão, as universidades têm autonomia para adotar a denominação que preferirem. No âmbito do MEC, não há discussão sobre o uso dessas denominações.

Fonte: http://oglobo.globo.com/sociedade/educacao/entidades-medicas-pedem-padronizacao-de-termos-usado-em-diploma-de-medicina-14171109

__________________________________________________________

PÓS-GRADUAÇÃO NA ÁREA MÉDICA:

Clique na imagem do curso de seu interesse para saber mais sobre ele:
\"\"  \"\"   \"\"\"\" \"\" \"\"

MAIS INFORMAÇÕES:

GERAL:
www.iefap.com.br
www.facebook.com/pos.iefap
contato@iefap.com.br

BELÉM:
belem.iefap.com.br
(91) 3266-3100 / (91) 8830-6323 (Oi) / (91) 8496-6335 (Claro) / (91) 8369-6260 (Tim) / (91) 9147-3765 (Vivo)
Travessa Mauriti, 1771/A – Pedreira

MARINGÁ:
maringa.iefap.com.br
(44) 4141-2071  /  (44) 9975-7199 (Tim)
Av. Advogado Horácio Raccanello, 5415, loja 1 - Zona 7

LONDRINA:
londrina.iefap.com.br
(43) 3024-4071 / (43) 9975-1909
Rua Fortaleza, 91 (Parceria com Colégio Nobel)

CASCAVEL:
cascavel.iefap.com.br
(44) 4141-2071 / (45) 9999-5388

TERESINA:
teresina.iefap.com.br
(86)8817-3446 / (86)8151-9560 / (86)9949-5269
Rua Davi Caldas, 90 - 1° andar

SÃO LUÍS:
saoluis.iefap.com.br
(98) 3232-1265 / (98) 8183-8616 ou (98) 8139-4335 – TIM / (98) 8706-9732 ou (98) 8757-0881 – OI
ACLM - Av. Getúlio Vargas, 1833 – Bairro Monte Castelo

MARÍLIA / ARAÇATUBA:
marilia.iefap.com.br
(14) 3413-5633 / (14) 3306-0115 (14) 98136-0077
INDEP - Av. Sampaio Vidal, 127 - Piso Superior - Centro



Compartilhe!


Leia também